Consultório Velocipédico Pandémico

Se sobreviver até Outubro deste ano de Nosso Senhor Joaquim Agostinho de 2020, este vosso espaço de referência velointernética celebrará 4 anos de existência.

Ao longo destes alucinados anos, milhares de milhões de leitores têm aproveitado toda a magnificiência velopatóide para inspiração mas não só – inúmeras mensagens e emails são enviados diáriamente a este vosso companheiro, palhaço e amigo do duro circo que é a vida do pedal, sempre esperançosos de ver suas dúvidas e apoquentações velocipédicas desfeitas.

Estes pandémicos tempos não foram excepção.

Nunca esquecendo que o Velopata é moçe que gosta de contribuir como quem contribui mesmo e que o Conhecimento não ocupa lugar ou prejudica o FTPmax, hoje ele chega até vós com a partilha de algumas pertinentes questões colocadas por leitores durante estes pandémicos tempos, sempre na esperança de vos auxiliar numa saudável vida velocipédica.

Como vem sendo habitual, não têm de quê.

 

(Nota velopatóide: os nomes dos mui inquisidores leitores foram sonegados de modo a respeitar a privacidade dos mesmos.)

 

Prezado Velopata,

Sou aquilo que se pode chamar de ciclista recreativo e que deseja fazer o correto mas toda esta história da quarentena e isolamento social é muito difícil de obedecer e… Olha, não obedeci. Tenho pedalado muito com os meus amigos mas vaiamos sempre em grupos pequenos. Isto não faz mal, certo?

Desde já agradecendo o esclarecimento,

F.

Cabeçudos, Vila Nova de Famalicão

Caro F.,

És um imbecil.

Atenciosamente,

Velopata

 

Caro Velopata,

Acho que toda esta lenga-lenga da pandemia não passa de uma conspiração para atentarem contra a nossa liberdade de poder andar de bicicleta. Fecharam os centros comerciais, os parques, os tascos na serra, as lojas de bicicletas e até já vi um vídeo no YouTube que prova que o governo está secretamente a construir prisões subterrâneas em locais remotos para encarcerar pessoas que não usam máscara. O que pensas tu de toda esta treta do coronovírus que não passa de uma gripezeca utilizada para atacar e destruir a nossa constituição?

Obrigado,

G.

Imaginário, Caldas da Rainha

Caro G.,

És um imbecil.

Carinhosamente,

Velopata

 

Camarada Velopata,

Desculpa lá mas eu não se me acardito que isto da pandemia é real senão… Como é que a China se safou tão rápido? Eu já fui testado para o cornovírus e até acusou positivo mas não me matou por isso porque raios é que tenho de ficar fechado em casa?

Abraços,

I.

Moço Morto, Vila Nova de Famalicão

Prezado I.,

És um imbecil.

Cumprimentos,

Velopata

 

Grande Velopata,

A única coisa que quero fazer é corridas de bicicletas e granfondos. Sinto que nasci para isto. Explica-me porque razão tenho de ficar fechado em casa só a treinar rolos quando a maioria das pessoas que “morreram” de cornavírus eram velhos e iam morrer na mesma, não é?

Continua a dar-lhe,

A.

Monte de Bois, Alcobaça

Prezado A.,

És um imbecil.

Cumprimentos,

Velopata

 

Querido Velopata,

Antes de mais deixe-me dizer-lhe que como mulher e leitora que acho que devia colocar mais fotos e selfies suas porque vossê é um daqueles exemplares de homem que mexe comigo. Agora há aqui uma coisa que não consigo entender… Se a Ciência é tão inteligente e avançada como se diz e nóz já ficamos todos fechados por causa do conovírus então porque é que as pessoas continuam a aparecer infetadas e a morrer? Explica lá isso e porque raios não posso sair para pedalar?

Um beijo,

R.

Palhaça, Oliveira do Bairro

Querida R.,

Tens bom gosto mas… És uma imbecil.

Atenciosamente,

Velopata

 

Ei Velopata,

Vi um estudo no Facebook que dizia que isto da pandemia até nem era uma coisa má por causa que só os velhos e doentes é que morrem. A cena é, isso não é uma coisa boa porque assim ficam só as pessoas mais fortes e logo vaiamos ter menos enlatados na estrada?

Grande abraço,

J.

Boi Morto, Marco de Canaveses

Caríssimo J.,

És um imbecil.

Abraço,

Velopata

 

Grande Velopata, tá-se?

Olha, ainda este fim de semana saí para uma pedalada e como nós todos bem sabemos que todos os gramas contam, levei apenas um cantil com água. A pedalada era curta e sempre a abrir. Acontece que todos os tascos serranos onde costumo parar, não sei onde é que os velhos andam com as cabeças que estavam todos fechados. E depois queixam-se que não têm dinheiro para sobreviver à pandemia. Que te parece?

Aquele abraço,

S.

Farinha Podre, Penacova

Caro S.,

Parece-lhe que és um imbecil.

Abraço,

Velopata

 

Amigo Velopata,

Sou o único dono de uma empresa que apresenta lucros de alguns milhões anualmente. Acontece que com isto da pandemia, nas últimas semanas o negócio reduziu bastante e fui obrigado a colocar em leiófe 5 dos meus 10 colaboradores estagiários a recibos verdes, tendo despedido os outros 5 porque causa que isto assim não vai dar. Entretantos soube que o governo tem disponibilizados apoios para quem como eu está a passar um mau bocado e pensei aproveitar para trocar a minha Pinarello Dogma topo de gama do ano passado que já está muito desactualizada – a minha dúvida é; achas que devo continuar na Pinarello ou devo trocar para um topo de gama tipo Canyon que sempre é mais em conta?

Desde já um grande agradecimento,

L.

Fatela, Fundão

Prezado L.,

És um imbecil.

Atenciosamente,

Velopata

 

Oi,

Tenho uns amigos que são médicos a sério aqui no Centro de Saúde de Pedaço Mau que sabem, porque estas coisas sabem-se só que Eles não deixam passar cá para fora, que isto do cornavírus não é tão mau como estão a fazer e o único passo sensato seria abrir a economia. É claro que eles são ignorados pelos meios de comunicação social porque isto não interessa ouvir. Até te envio um link (link), que como já vi que até percebes umas coisas de ciência, podes ler. Isto é tudo uma grande farsa com uma agenda secreta. Que pensas?

Continua o bom trabalho,

P.

Pedaço Mau, Vila Nova de Famalicão

Prezado P.,

És um imbecil.

Cumprimentos,

Velopata

 

Velopata, ´méquié?

Olha, tenho andado a pensar muito nisto e… Epá, não percebo porque raios cancelaram todas as provas de Ciclismo e nunca mais as recomeçam. Quer-se dizer, se isto do caronóvírus só ataca velhos e malta já mais para lá do que cá, porque não se impedem estes de sair para assistir às provas e deixam o mundo continuar suas vidas normais? Não é mais ou menos o que o Futebol vai fazer com jogos à porta fechada. É que até podiam só transmitir as corridas na Eurosport. O que pensas disto?

Muito agradecido,

A.

Várzea da Ovelha Aliviada, Marco de Canaveses

Prezado A.,

Realizar jogos à porta fechada ou corridas de Ciclismo sem público faz tanto sentido como uma sessão de cinema para um auditório vazio.

Ah, e és um imbecil.

Cumprimentos,

Velopata

 

E é isto.

De algum sórdido modo, o Velopata espera assim ter contribuído como quem contribui mesmo para o esclarecimento de vossas dúvidas existenciais-velocipédicas..

 

Abraços (à segura distância higiénica) velocipédicos,

Velopata

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s