A Lista de Cônjuge

- NEM PENSES! Com aquele berro, a Srª Velopata encerrou a discussão e dizem na Internet que o campo magnético deste Terceiro Calhau a contar do Sol até cedeu. A alvoroçada troca de galhardetes entre membros de um casal de bicho humano é per se inevitável. Agora imaginai o alvoroço que não será o esquentado intercâmbio de …

Continue lendo A Lista de Cônjuge

Quem tramou o Ciclismo Profissional?

"Se este ano o Tour não se realizar, talvez só três equipas profissionais sobrevivam." Rigoberto Úran Ciclista Profissional da equipa EF Pro Cycling   As palavras de Úran ecoaram pelo cérebro velopatóide, lembrando-o de semelhante afirmação proferida por Patrick Lefevere, actual Boss da Deceuninck-Quick Step, que também associou o cancelamento do Tour ao colapso do Ciclismo …

Continue lendo Quem tramou o Ciclismo Profissional?

Consultório Velocipédico Pandémico

Se sobreviver até Outubro deste ano de Nosso Senhor Joaquim Agostinho de 2020, este vosso espaço de referência velointernética celebrará 4 anos de existência. Ao longo destes alucinados anos, milhares de milhões de leitores têm aproveitado toda a magnificiência velopatóide para inspiração mas não só - inúmeras mensagens e emails são enviados diáriamente a este …

Continue lendo Consultório Velocipédico Pandémico

As tribos do Binapócalipse

Talvez seja apenas o Velopata mas à hora desta publicação, é sua forte convicção que finalmente ele pode orgulhosamente dizer à boca-cheia que esteve lá, in situ velopaticum est, neste que é certamente um marcante momento na história da passagem da bicharada humana por este Terceiro Calhau a contar do Sol. Para uma geração que …

Continue lendo As tribos do Binapócalipse

O assassinato do Ciclismo Feminino pelo covarde Lappartient

UCI. Sigla que, ao contrário da ultimamente ouvista pelos noticiários, significa União Ciclista Internacional. Na sua essência, esta UCI mais não é que o corpo governativo regulador de toda a actividade velocipédica profissional, semi-profissional, amadora e amadora de fim de semana neste Terceiro Calhau a contar do Sol, uma espécie de F.I.F.A. só que dedicada a …

Continue lendo O assassinato do Ciclismo Feminino pelo covarde Lappartient

Divisão Velopata – A Corona de Março e o Covid de Abril, Maio vil?

- Por favor, mantenham-se em casa. Se necessitar sair, siga as recomendações da Direcção Geral de Saúde.   O som das colunas equipando o enlatado civil que circulava pelas imediações do bairro velopático matraqueou o som do televisor alembrando tudo e todos das indicações do Governo quanto ao vigente Estado de Emergência. De sua sacada, o …

Continue lendo Divisão Velopata – A Corona de Março e o Covid de Abril, Maio vil?

The Walking Covid

...It´s Nature´s way of telling you someting´s wrong... in Nature´s way, dos This Mortal Coil no álbum Blood   Através das estilosas orelhas dilatadas, as fantasmagóricas vozes de Deidre Rutkowski e Alison Limerick acompanhadas da melancólica orquestra de cordas ecoavam pelo cérebro velopático enquanto avançava pelos corredores vazios do Centro Comercial, concentradíssimo que nem um …

Continue lendo The Walking Covid

Presos No Estrangeiro (lá de fora) – a versão velocipédica

A segunda edição do Tour dos Emirados Árabes Unidos, UAE Tour em cámone, uma daquelas provas que permite comprovar o quanto os líderes da elite velocipédica mundial se preocupam com Tradição (todos conhecem o amor dos árabes por Bicicletas em detrimento de enlatados de alta cilindrada e camelos, sendo a palavra "camelo" aqui utilizada sem …

Continue lendo Presos No Estrangeiro (lá de fora) – a versão velocipédica

Divisão Velopata – Se queres ser bom Carocheiro, empena no crescente de Janeiro

Se o Velopata fosse cardíacofilíaco, jamais ele teria sobrevivido ao transacto mês de Janeiro do ano de Nosso Senhor Joaquim Agostinho de dois mil e vinte. Olhando para trás como quem olha mesmo para trás, toda esta catadupa de acontecimentos aponta sua origem no Parlamento Português, aquando da votação para condenar ou não (porque óbviamente existem …

Continue lendo Divisão Velopata – Se queres ser bom Carocheiro, empena no crescente de Janeiro