Uma Escapadela Altimétrica – a primeira parte do Capítulo Final

- Tenho quase a certeza, a subida para a Torre pela Covilhã está fechada ao trânsito hoje. A dura realidade das palavras proferidas pela Senhora do Hotel atingia Velopata e Agente da Autoridade Anónimo (AAA), com a potência de um soco no estômago, faces torcidas em esgares que qualquer transeunte connoisseur o identificaria - aquela …

Continue lendo Uma Escapadela Altimétrica – a primeira parte do Capítulo Final

A indumentária mais linda

Jovem; Se tens mais de três anos de idade, já tiveste piolhos, sarampo e papeira, gostas de pedalar, sabes mexer nas coisas da internet, tens um contrato de trabalho estável (se bem que eirios auferidos por Ciclistas a Recibos Verdes também são bem-vindos), e tens acesso a um cartão multibanco com plafond suficiente, não percas …

Continue lendo A indumentária mais linda

Divisão Velopata – Em Agosto sê cuidadoso e aguilhoa o preguiçoso

Vergonha. Humilhação. Estas podiam ser algumas das palavras que o Velopata utilizaria para descrever o que se passou neste querido mês de Agosto na sua Divisão Velopata - então o Velopata fez um apelo ao pedal e ao carbono, à guerra e guerrilha velocipédica de modo a combater o opressor jugo tirânico da malta de Biseu …

Continue lendo Divisão Velopata – Em Agosto sê cuidadoso e aguilhoa o preguiçoso