Uma Escapadela Altimétrica – a primeira parte do Capítulo Final

- Tenho quase a certeza, a subida para a Torre pela Covilhã está fechada ao trânsito hoje. A dura realidade das palavras proferidas pela Senhora do Hotel atingia Velopata e Agente da Autoridade Anónimo (AAA), com a potência de um soco no estômago, faces torcidas em esgares que qualquer transeunte connoisseur o identificaria - aquela …

Continue lendo Uma Escapadela Altimétrica – a primeira parte do Capítulo Final

Meio Evereste

Algo impensável ocorreu neste vosso espaço de referência velointernética, um tenebroso acontecimento que o próprio Velopata jamais podia prever. Uma INVERDADE (à semelhança da classe política, um Velopata não mente), foi publicada. Certamente o mui querido leitor nem s´acardita; como foi possível o Velopata ludibriar, qual Berardo da Velocipedia, a sua horda de milhares de milhões de seguidores? Mas em …

Continue lendo Meio Evereste

O Passeio do Dia Europeu Sem Car… Ca… Enlatados

  I started a joke, which started the whole world laughing cycling; But I didn´t see that the joke was on me. por The Bee Gees in I Started a Joke   Finalmente terminado o bloco de textos ligados à Cicloperegrinação, sempre alternando com as classificações mensais do mais grandioso clube strávico que é a Divisão Velopata, que melhor …

Continue lendo O Passeio do Dia Europeu Sem Car… Ca… Enlatados

Dia Mundial do Piquenique Enlatado

Foi na véspera de mais um dia santo velopático, conhecido pelos comuns mortais como o feriado de Primeiro de Maio, que o Velopata, sentindo aquela depressão pré-pedalada que o atinge sempre que observa os mapas strávicos, procurando e desenhando percursos já tantas outras vezes percorridos, uma vã demanda de novas estradas e alcatrão, que a mensagem de …

Continue lendo Dia Mundial do Piquenique Enlatado

Arades e Sobreires – um longo sábado de treino

O Velopata acordou com aquela sensação de vazio cerebral, bafo capaz de trucidar o mais formoso dos malmequeres e a barba molhada, fruto da baba que muito provavelmente escorria devido ao sonho de uma pedalada montado numa lindíssima Cannondale Synapse toda montada em Ultegra. Verdade seja escrita, aquilo não foi bem acordar. Assemelhou-se mais a …

Continue lendo Arades e Sobreires – um longo sábado de treino

Carta aberta ao M.A.I.

O anúncio foi feito com toda a pompa e circunstância a que semelhante decisão governativa obrigava; tendo em conta o número de acidentes graves, acidentes menos graves, colisões, cacetadas, porradas, atropelamentos, caos generalizado e evidências de uma mortandade geral nas estradas portuguesas, o M.A.I. (Ministério da Administração Interna), apresentou uma nova proposta de lei que …

Continue lendo Carta aberta ao M.A.I.

PMF´s velopáticas

PMF. É o acrónimo português equivalente às FAQ´s dos bifes e cámones. Significa Frequently Asked Questions ou em belo português; Perguntas Mais Frequentes. Ao longo do ciclo de vida deste alucinado espaço velointernético, foram várias as questões que o Velopata recebeu; quer da sua horda de mui queridos e atentos seguidores e leitores, bem como de muitos colegas de métier; civis …

Continue lendo PMF´s velopáticas

Os Mandamentos Velocipédicos

Esta é uma história que inicia com uma tempestade daquelas de fazer Harveys, Katrinas, Irmas e Ophelias parecerem uma pedalada na ciclovia. Ciclovia holandesa, claro está, pois pedalar na maioria das ciclovias deste país à beira-mar plantado é uma aventura per se. Segundo os registos dos historiadores, os acontecimentos que o Velopara a seguir descreve terão …

Continue lendo Os Mandamentos Velocipédicos