Actividade Perigosa

O Velopata é forçado a admitir - é só um bocadinho irritante ler tanta coisa sobre os perigos de pedalar ou até mesmo como evitar escapar à morte enquanto se pedala. E porquê? Porque pedalar ao comando de uma gloriosa Bicicleta é só das actividades mais saudáveis à qual um bicho humano se pode dedicar. …

Continue lendo Actividade Perigosa

Dia de pausa

Pausa. Substantivo feminino. Suspensão de acção ou movimento. Interrupção momentânea. Intervalo. in Diccionário Priberam da Língua Portuguesa, versão apta para glutenofílicos   Todos precisamos de uma pausa. Pelo menos é o que diz a ancestral sabedoria popular. Particularmente, todos precisamos de uma pausa da pedalada porque estamos cansados. E todos sabemos que pedalar cansado pode originar …

Continue lendo Dia de pausa

Porque odeia o enlatado – parte I

Recentemente, culminou uma mini-série de seis documentários no Cánau Dizcóveri (que lido em português correcto, ao contrário do estranho sotaque televisivo, será algo como Canal Discovery), que muito aprouve ao casal Velopata (à hora de emissão, o Velopatazinho já simulava rolos de treino no Vale dos Lençóis, ainda assim é firme convicção velopática que chegando …

Continue lendo Porque odeia o enlatado – parte I

O Campeão do Mundo que afinal não era Campeão do Mundo

O Velopata seguia flagelando suas pernas ao longo do reconhecido segmento strávico "Califórnia-Salir", uma brutal subida de um vírgula vinte e cinco quilómetros de extensão onde a local sinaléctica de trânsito indica uns horríveis dez por cento de inclinação, o Strava indica apenas nove (muito melhor!), no entanto, ele não conseguiu deixar de reflectir como …

Continue lendo O Campeão do Mundo que afinal não era Campeão do Mundo

Uma Escapadela Altimétrica – finalmente, o Capítulo Final

- Estás bem? - Não. Ele sente-se que nem um esfregão da louça esquecido ao Sol durante vários dias. -  Pois, costumas subir melhor... - Cada centímetro que ele subiu foi como tentar espremer um litro de água desse esfregão da louça ressequido.   No cume do topo mais em alto de Portugal Continental, a mítica Torre, …

Continue lendo Uma Escapadela Altimétrica – finalmente, o Capítulo Final

Uma Escapadela Altimétrica – parte I

Contraste. Substantivo Masculino. Oposição ou variação de luz, tons ou cores. Diferença considerável. Comparação para verificar diferenças. Oposição entre pessoas ou coisas. in Diccionário Priberam da Língua Portuguesa.   Se uma palavra existe que permita ao Velopata descrever sucintamente o que foram aqueles três dias de Escapadela Altimétrica à qual ele (o Velopata), acompanhado do seu …

Continue lendo Uma Escapadela Altimétrica – parte I

Commute Apeado

Zuuummmm, Zuuuummmm, Zuuuummmm.... (fraquinha onomatopeia representativa do som da máquina velopática de auto-tortura, que mais se assemelha a um avião Jumbo alevantando vôo nos confins do lar velopático e que muitos mui queridos leitores reconhecerão sob a nomenclatura técnico-táctica de Rolo de Treino) - Podes parar com isso um bocado? Preciso de falar contigo. - notou a Srª …

Continue lendo Commute Apeado

Divisão Velopata – Maio que não der carochada, não dá coisa empenada

Bom dia, tarde ou noite, de acordo com a hora a que o mui querido leitor está assentado no trono (que outro lugar se revelará mais adequado à apreciação do que um Velopata escrevinha?), deslizando seus olhos por estas linhas. Seja bem-vindo a mais uma publicação velopática dedicada à análise mensal da crème de la crème da velocipedia strávica, a …

Continue lendo Divisão Velopata – Maio que não der carochada, não dá coisa empenada

A Lagartixa, o Jacaré e a Candidíase

Com toda a honestidade, o Velopata não leu integralmente o "artigo". Já tanto tempo é perdido com trivialidades e coisas supérfulas que, um Velopata perder mais uns minutos que fosse com disinterias cerebrais regurgitadas por um moçe com nocões políticas no mínimo sui generis, pareceu de menor relevância para o seu quotidiano quando, por exemplo, comparado com …

Continue lendo A Lagartixa, o Jacaré e a Candidíase