Meio Evereste

Algo impensável ocorreu neste vosso espaço de referência velointernética, um tenebroso acontecimento que o próprio Velopata jamais podia prever. Uma INVERDADE (à semelhança da classe política, um Velopata não mente), foi publicada. Certamente o mui querido leitor nem s´acardita; como foi possível o Velopata ludibriar, qual Berardo da Velocipedia, a sua horda de milhares de milhões de seguidores? Mas em …

Continue lendo Meio Evereste

Grandes Películas Velocipédicas – parte I

Se os líderes da Religião Velominati não se encontrassem tão empenados e menos preocupados com a distribuição de carochas por esses granfondues da vida e pedaladas domingueiras, este Terceiro Calhau a contar do Sol seria certamente um habitat deveras diferente. Talvez o Natal fosse corretamente celebrado a sete de Abril, dia em que chegou a este mundo …

Continue lendo Grandes Películas Velocipédicas – parte I

Divisão Velopata – Para encarochar, deixa Setembro acabar

O ocaso velocipédico. Se o mês de Nosso Senhor Joaquim Agostinho de Setembro algo significa para um Velopata, mais não é que o início do ocaso velocipédico. Os dias começam a encurtar, o calor bom esfuma-se (lembrem-se que moçes de compleição física a roçar o etíope bulímico-anoréctico, como é o caso deste vosso companheiro, palhaço …

Continue lendo Divisão Velopata – Para encarochar, deixa Setembro acabar

O primeiro passeio… Que era uma corrida… Que era um passeio… Que afinal era uma corrida!

Corria o ano de Sua Santidade Joaquim Agostinho de 2013, quando o anúncio de um passeio velocipédico se destacou no feed facebookiano do ainda então velocipédicamente imberbe e maçarico heteromónimocoiso do Velopata. Organizado pela associação Rodactiva, sediada em Castro Marim, essa bela localidade algarvia que o Velopata já conhecia das suas visitas à então desconhecida mas actualmente insuportavelmente atulhada …

Continue lendo O primeiro passeio… Que era uma corrida… Que era um passeio… Que afinal era uma corrida!

Divisão Velopata – Se em Outubro te sentires empenado, lembra-te do encarochado

Se há por aí quem se queixe das alterações climáticas, um grupo há de semi-humanos, quais encarnações de deuses somalis, etíopes e de outros países africanos onde se passa muita larica, que só têm a agradecer a Trumps e Companhias Lda., por esta dádiva da humanidade que é o excesso de CO2 e demais poluentes …

Continue lendo Divisão Velopata – Se em Outubro te sentires empenado, lembra-te do encarochado