Uma Escapadela Altimétrica – parte II

O Velopata comandava a Estrela Vermelha serra acima, a Torre já iminente no horizonte. O nosso querido astro brilhava pleno no alto mas a Temperatura não era sufocante. O eterno inimigo vento frontal, fraco ou ausente, sintoma de que a rameira do São Pedro ainda devia dormitar. R.p.m após r.p.m., o Velopata aproximava-se do objectivo de …

Continue lendo Uma Escapadela Altimétrica – parte II

A Bala Vermelha

"Se eu tivesse uma Bicicleta destas não precisava comer bifes." El Dopalero, ex-Ciclista profissional "Com uma Bicicleta deste nível, nem precisaria da minha bombinha de asma para vencer." Froomster, Ciclista profissional da Team Sky Pro Cycling "Já pedi à Specialized uma Bicicleta semelhante mas eles não conseguem produzir uma com esta rigidez ou aerodinamismo." Lord …

Continue lendo A Bala Vermelha

A tomada da Mítica EN2 – parte III

Tendes a certeza que aquilo são relâmpagos? O Velopata questionava o Agente da Autoridade Anónimo numa extenuante luta entre conseguir injectar golfadas de precioso oxigénio nos pulmões tentando não bolsar quiçá até regurgitar as anteriores opções alimentares proporcionadas pela visita ao McDonald´s biseuense forrada pelas sobremesas gentilmente fornecidas por Professor Carochas, no decurso de uma excruciante subida para Fail, incontornável …

Continue lendo A tomada da Mítica EN2 – parte III

Os Dez Mandamentos Velocipédicos – versão urbana

Foi encontrado morto em sua casa. A Jardim da Escócia (Scotland Yard, em cámone), tomou conta do ocorrido, registando o óbito a 5 de Novembro do Ano de Sua Ainda-Desconhecida e Futura Santidade Joaquim Agostinho de 1922. Lorde Carvanon, um reconhecido antropofilíaco obstinado com relíquias egípcias, batia a bota. Atónitos com a macabra cena que presenciaram ao …

Continue lendo Os Dez Mandamentos Velocipédicos – versão urbana

Chave Dicotómica para identificação de clientes de lojas velocipédicas – Parte II

Esse Natal, época festiva que à semelhança de outras é velocipédicamente cognominada de época de engorda, foi bom? Muitas prendas boas no sapatinho de encaixe? Mimaram as vossas máquinas, fiéis montadas, corcéis de carbono de alto módulo? Claro que sim, o Velopata nem espera outra coisa de quem gasta o seu precioso tempo neste nosso …

Continue lendo Chave Dicotómica para identificação de clientes de lojas velocipédicas – Parte II

Pediatria velopática

O Velopata lá conseguiu chegar ao sofá que, tantos anos depois, já deixou de ser novo. Pousou o andarilho em carbono, daquele que é mesmo só carbono, 100% carbono, full aero carbono, e chocalhando todas as artrites, artroses, reumáticos e reumatóides, conseguiu sentar-se no sofá. Esticando-se, quase arranjou uma nova hérnia enquanto pegou no comando remoto da …

Continue lendo Pediatria velopática