A Odisseia Algarvia 2017 – Actualização

O Velopata está tão contente que nem sentar-se sobre um acolchoado selim Brooks, montado no topo de um confortável espigão de selim mais próprio para pasteleiras do que máquinas de corrida aero, é capaz.

Não porque tenha treinado com tanto afinco que adquiriu um terceiro testículo, mas sim porque as novidades em relação à MTE, ou seja, a Mãe de Todos os Empenos, que o aguarda dia 8 de Outubro de 2017 sob a forma da Odisseia Algarvia, são boas e fresquinhas.

Este ano, ao contrário do transacto, o Velopata tem o orgulho de poder contar com Pata Negra e Falso Lento que, minutos após a publicação da data definitiva de tamanha epopeia, de imediato contactaram o Velopata mostrando o seu total interesse em juntar-se à horda velopática.

Mas a notícia de arromba, a razão pelo qual o Velopata mal praticou o seu sono reparador de musculatura velocipédica e beleza geral, prende-se com um ditado que todo o adepto das duas rodas sem motor do pelotão amador algarvio conhece;

“Quando tudo falha, há sempre o Gil.”

São muitas as histórias e lendas de ciclistas e bêtêtistas que durante uma prova viram a sua montada falhar tacitamente; fosse um raio partido, um quadro escaqueirado, marafadas mudanças que deixavam de funcionar ou até um simples furo, contam-se inúmeras maleitas que se transmorfaram em um verdadeiro flagelo velocipédico para os intervenientes, levando-os ao desespero e lágrimas no meio de nenhures.

Mas, verdade seja escrita, todos eles referem a presença de alguém que, a quilómetros da civilização, sempre aparece com a milagrosa solução.

O Gil.

Não, o Velopata não se refere à mascote da Expo 98.

Seja atrás de uma moita, escondido por entre umas pedras, ou a bordo da sua lata G-Ridiana, o Gil, proprietário da G-Ride Concept Bike Store nunca falha e está sempre lá para o que der e vier.

O Velopata até ouviu testemunhos de batráquios que juram a barbatanas juntas; reza a lenda que certa vez um deles viu os seus óculos de natação destruírem-se, pontapeados pela barbatana de um outro batráquio aquando do lançamento à água e eis que, no fundo do oceano, lá estava o Gil, munido de um escafandro autónomo e uns óculos de natação novos para que o mafarrico pudesse terminar o seu triatlo.

Obviamente que uma dedicação destas não poderia deixar o Velopata indiferente e foi assim que ele deu por si a caminho da G-Ride na tentativa de convencer o Gil e o seu humilde estabelecimento a participar neste fabuloso evento destruidor de pernas e egos.

E não é que o Gil aceitou?

Assim, à papo-seco, com um rasgado sorriso de orelha a orelha e sem difíceis requisitos ou imposições.

Cara nação velopática, é com toda a pompa e circunstância que o Velopata pode desde já confirmar em primeira manápula, que a G-Ride Concept Bike Store se associou ao Velopata para a Odisseia Algarvia de 2017, fornecendo a lata de apoio e nada mais, nada menos, que o próprio Gil como dedicado soigneur de todos os que se juntem a esta aventura.

Seja com uma águinha fresquinha, um rápido trocar de câmaras de ar ou até mesmo aquela afinação de última hora, a troupe velopática terá um apoio de peso.

E fiquem ainda com a confirmação que o Gil também se fará munir de uma Go Pro, ou chinesice similar, para um diferente ponto de vista cinematográfico sobre esta aventura.

protocolo1
Histórico momento da assinatura do protocolo entre Velopata e G-Ride para o apoio aos alucinados que se lançarão nesta edição da Odisseia Algarvia de 2017 que promete ser épica. Como poderão verificar, este Gil nada tem a ver com o da Expo 98.
protocolo2
A lata G-Ridiana que servirá de apoio à Odisseia Algarvia 2017.

Postos estes termos, que mais pode o ciclista que lê estas linhas e pondera a sua participação, almejar?  De que está à espera para contactar o Velopata e confirmar a sua participação?

Dia 08 de Outubro de 2017, pelas 05 horas da manhã, o Velopata ansiosamente aguarda-o na Ilha de Faro.

Até lá bem pode continuar os treinos.

Não que lhe sirva de muito. Garantido está o ultra-mega-giga-hiper e maravilhoso… Empeno.

 

Abraços velocipédicos,

Velopata

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s